notícias
23 May
5 passos para uma colheita com qualidade, por Alexandre Pacheco
  1. Determinação da data ideal de colheita

A determinação da data de colheita é conseguida com testes frequentes ao estado de maturação dos frutos, que se deverão iniciar 3 a 4 semanas antes da data frequente de colheita. Nestes testes são determinados os parâmetros qualitativos que refletem o estado de maturação do fruto, como por exemplo a cor da epiderme, a firmeza da polpa e o nível de açúcar.

Frequentemente, o estado de maturação Ideal para a colheita é, em parte, condicionado por questões comerciais e logísticas. Se a fruta se destinar a um país longínquo ou tiver que suportar conservação frigorífica prolongada, deve ser colhida com um estado de maturação diferente dos frutos que se destinam a um consumo mais imediato.

 

  1. Logística

Após a decisão de colher e definir os principais cuidados a ter, importa que a colheita se faça de forma célere, para que todos os frutos colhidos tenham características muito semelhantes. Períodos de colheita demasiado longos implicam que os primeiros frutos colhidos ainda poderão estar verdes, enquanto que nos últimos dias já estarão demasiado maduros. É simples, mas implica uma logística (trabalhadores e equipamentos) bem afinada.

 

  1. O Processo de colheita

O processo de colheita pode influenciar de forma determinante a qualidade dos frutos, a sua longevidade e a sua vida útil. Sendo produtos delicados, o seu manuseio implica um conjunto de cuidados que devem ser explicados aos trabalhadores. Devem ser muito bem definidos quais os frutos que se vão colher, Uma vez que não amadurecem em simultâneo e que, frequentemente, é necessário colher frutos em duas ou três datas distintas, para maximizar a qualidade global da produção. Para além do nível de maturação, os frutos não devem ser apertados quando se colhem, nem devem ser deixados cair para o recipiente de colheita. Frequentemente, os fruticultores referem tratar os frutos “como se fossem ovos”, pois assim é mais fácil perceber o nível de cuidado que a manipulação deste produto obriga.

 

  1. Recolha da fruta

Após a colheita dos frutos e a sua colocação no vasilhame de transporte, as caixas com os frutos deverão ser recolhidos do pomar o mais rapidamente possível. Quando tal não é possível, as caixas devem ser colocadas à sombra ou sob coberto. Durante o verão e com radiação elevada, a epiderme dos frutos colhidos aquece de forma muito rápida, podendo atingir temperaturas que podem ou não causar escaldão solar, mas que diminuem sempre a sua qualidade. O transporte deve ser suave, para não causar danos de compressão aos frutos.

 

  1. Transporte e refrigeração

Logo que possível ou no final do dia de trabalho, as caixas com os frutos colhidos devem ser retiradas do local de armazenamento e transportadas até ao local de armazenamento frigorífico, onde serão arrefecidos e conservados, até ao momento de serem embalados, de forma a chegarem com óptima qualidade aos consumidores.