notícias
27 Jan
Conheça as tendências que vão mudar a agricultura

A tecnologia tem sido a principal impulsionadora de mudanças no setor da agricultura e, de acordo com a publicação norte-americana Wisconsin State Farmer, algumas delas têm sido muito positivas.

A publicação cita o investigador John Shutske, da Universidade do Wisconsin, que defende que “o rápido aumento das mudanças na tecnologia tem expandido a nossa capacidade de computação, o que também tem diminuído os custos de fazer negócios.” Eis as tendências que, de acordo com o cientista, vão mudar a agricultura.

Inteligência artificial

Esta é uma das tendências mais transversais a vários setores de atividade. A inteligência artificial já é considerada ‘comum’ em setores como o retalho e o customer service , mas também está a penetrar na agricultura.

De acordo com o especialista, a sua aplicabilidade está a ser impulsionada pelas enormes quantidades de dados hoje recolhidos e que, obviamente, precisam de ser escrutinados. No que à agricultura diz respeito, a sua utilização pode ser importante na tomada de decisões críticas, nomeadamente em áreas como gestão de pragas e doenças, agendamento de operações e otimização da saúde dos animais.

Economia da partilha

Sim, a economia da partilha também vai impactar o futuro da agricultura. “Na agricultura, já fazemos algumas coisas que têm a ver com isto. A agricultura tem sido o líder do modelo de negócio cooperativo”, defende. A sua aplicabilidade irá ainda mais longe e em breve poderemos começar a assistir ao aparecimento de aplicações que promovam a partilha no setor, quiçá, um ‘AirBnB para tratores’.

Mulheres vão ganhar papel de destaque no setor

O especialista acredita ainda que, à semelhança do que já está a acontecer noutros setores, as mulheres vão ganhar um papel de destaque na agricultura, introduzindo novas formas de pensar o setor.

Nos EUA, em 2012, dados publicados pelo Departamento de Agricultura do Governo norte-americano mostravam que as mulheres já estavam a assumir cargos de liderança nalgumas das maiores empresas agrícolas do país.

Fonte: Vida Rural